"É com grande alegria e gratidão que o povo recebe o Papa Francisco. É, sem dúvida, um convite e um estímulo para levar a proposta de uma vida evangélica fraterna a um mundo que parece sempre orientado para o individualismo, para os relacionamentos virtuais. Nomadelfia é uma pequena família de famílias, é uma pequena semente, mas traz consigo a tentativa de recomeçar a partir da experiência das primeiras comunidades cristãs, em que "elas se mantiveram juntas e mantiveram tudo em comum". A fraternidade entre as famílias é a grande estrada alternativa que Nomadelfia, com todos os seus limites, indica. Obrigado ao Papa Francisco por querer lembrar a todos ".

Francesco di Nomadelfia, presidente da comunidade Nomadelfia