"Paz para todas as pessoas e para todas as nações da terra!" O Papa Francisco deseja o 51º Dia Mundial da Paz. "A paz que os anjos anunciam aos pastores na véspera de Natal é uma aspiração profunda de todas as pessoas e todos os povosacima de todos os que sofrem mais com a falta ”. E olhando para a situação atual de muitos povos, os pensamentos e orações do pontífice vão para "mais de 250 milhões de migrantes no mundo, dos quais 22,5 milhões são refugiados", ou "homens e mulheres, crianças, jovens e idosos que procuram um lugar para viver em paz ”.

Congratulamo-nos com o convite para olhar para o migrações globais não como uma ameaça, mas "com um olhar de confiança, como uma oportunidade para construir um futuro pacífico". "Estamos cientes de que abrir nossos corações para o sofrimento dos outros não é suficiente. Haverá muito o que fazer antes que nossos irmãos e irmãs possam voltar a viver em paz em um lar seguro. Aceitar o outro requer um compromisso concreto, uma cadeia de ajuda e benevolência ".

O que podemos fazer hoje?

Propomos um discurso de Don Zeno realizado durante a "Nomadelfia Evening" em Cervinia em 24 de julho de 1976:

"A humanidade precisa de justiça. Vivemos em uma época em que seria possível alimentar a todos, fazer um lar para todos: branco, vermelho, verde, de todos os continentes. Nós poderíamos fazer tudo isso. Em vez disso, somos bárbaros, piores que bárbaros, somos injustos. Aqui ... e aqui continua muito mal, porque não é mais uma coisa para cristãos e não cristãos. Estamos todos juntos antes deste tribunal, diante do qual somos chamados a julgamento até agora. Porque enquanto eu falo, quem sabe quantos milhões e milhões de cidadãos pobres da terra que estão desabrigados, sem uma família, então eles são abandonados e sofrem todo o sofrimento imaginável possível. Um único cidadão do mundo que está sem comer, sem se vestir, sem cuidado, condena o mundo inteiro. Um só nos condena a todos. "

"Queremos mudar? Cada um de nós se mudaé a única solução. Você não está brigando com os outros, mas você deve dar uma onda no mundo para parar essas guerras, parar essas guerras, esses perigos. Quem pode pará-los? Quem? Os políticos? Aqueles não podem fazer isso! É impossível! Nós somos as pessoas que devem estar prontas para dar um exemplo de bondade e justiça sem armas e sem nada, a onda de um povo que corre para a justiça salva o mundosalve tudo. E finalmente vamos ter paz. As pessoas que esperam a paz dos outros e das "altas" nunca a terão ".